ODM Desafio Universitário

ODM Desafio Universitário

O ODM Desafio Universitário foi desenvolvido na sequência do projeto ODM Campus Challenge, que decorreu entre 2010 e 2011. Este consistiu num concurso lançado aos jovens universitários portugueses, com idades compreendidas entre os 18 e os 30 anos, e Agentes ODM motivados para agir em defesa dos Objetivos de Desenvolvimento do Milénio. Participaram 50 equipas, num total de 250 estudantes.
As vencedoras, três estudantes de Bragança, ganharam uma viagem de 10 dias à Guiné-Bissau, onde conheceram em primeira mão vários projetos de cooperação que visam cumprir os 8 ODM. A saber: erradicar a pobreza e a fome; alcançar o ensino primário universal; promover a igualdade de género e empoderar as mulheres; reduzir a mortalidade infantil; melhorar a saúde materna; combater o VIH/SIDA, a malária e outras doenças graves, garantir a sustentabilidade ambiental; fortalecer uma parceria global para o desenvolvimento.
Em julho de 2012, a PAR deu início à II edição do projeto em Cabo Verde e na Guiné-Bissau, desta vez com o nome de ODM Desafio Universitário. À semelhança da primeira edição realizada em Portugal, o objetivo passa por criar uma rede de estudantes do ensino superior nos dois países que promova os ODM junto das comunidades locais.
Cofinanciado pela Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), o ODM Desafio Universitário é uma iniciativa da Associação PAR – Respostas Sociais em parceria com o Programa Nacional de Voluntariado de Cabo Verde e o Conselho Nacional de Juventude da Guiné-Bissau.